Base de conhecimento  /  Gerenciador de aplicativos em nuvem  /  Automatização de implementações
Base de conhecimento  /  Gerenciador de aplicativos em nuvem  /  Automatização de implementações

Visão geral do plugin Jenkins para Cloud Application Manager

Atualizado por Julio Castanar em 16 de maio de 2019
Código do artigo: kb/412

Neste artigo:

Visão geral

Temos aqui um típico fluxo de trabalho de integração e implementação contínuas (CI/CD) que começa com os desenvolvedores verificando o código e percorre um círculo completo para lançar as alterações no desenvolvimento, teste, preparo e produção. Veja como o Cloud Application Manager automatiza o fluxo de trabalho a cada etapa do caminho.

Fluxo de trabalho de CI/CD do Cloud Application Manager e do Jenkins

  1. Os desenvolvedores enviam as alterações ao repositório.
  2. O servidor Jenkins tem SCM, GitHub (ou outro repositório), Jenkins para Cloud Application Manager e outros plugins instalados.
  3. A solicitação de extração altera o evento no repositório e aciona a execução do trabalho de compilação.
  4. O plugin Jenkins para Cloud Application Manager é implementado no seu aplicativo a partir de caixas para qualquer nuvem ou infraestrutura.
  5. Os próximos trabalhos no Jenkins testam o ambiente de implementação, verificam as alterações e, por fim, mesclam-nas.
  6. Agora, o evento de mescla aciona a execução do trabalho de lançamento da compilação.
  7. O plugin Jenkins para Cloud Application Manager é implementado em seu novo lançamento e reconfigura seu aplicativo.

Público

Se usar o Jenkins para testar e integrar continuamente alterações de código no desenvolvimento, no preparo ou na produção e usar também o Cloud Application Manager, será recomendável usar o plugin Jenkins para Cloud Application Manager para automatizar totalmente as implementações.

Pré-requisitos

Cenários aceitos de CI/CD

  • Implementar sem nenhum clique. Depois que você configurar o Jenkins com plugins de gerenciamento de controle de origem (SCM), o plugin do Cloud Application Manager, e construir a configuração dos trabalhos para executá-lo, quaisquer alterações de código no repositório acionarão automaticamente o Jenkins para testá-las em desenvolvimento ou mesclá-las aos ambientes de preparo e produção. O plugin é implementado nos seus aplicativos a partir de caixas para qualquer nuvem ou infraestrutura.

  • Implementar aplicativos complexos de várias camadas e gerenciar seus ciclos de vida. Inicie stacks de aplicativos de várias camadas a partir do Cloud Application Manager por meio de um único trabalho de compilação do Jenkins usando referências de associação flexíveis. Inicie ações do ciclo de vida automaticamente nos aplicativos ao adicioná-las aos trabalhos de compilação.

  • Orquestrar implementações em grande escala sem tempo de inatividade. Automatize as implantações em escala com auto-calibração e balanceamento de carga em AWS ou Azure. Automatize as implementações em escala com a autoescala e o balanceamento de carga na AWS ou no Azure. Assegure que seus aplicativos estejam sempre disponíveis e protegidos contra falhas, perda de dados e tempo de inatividade enquanto você os integra e implementa continuamente na produção.

  • Iniciar slaves sob demanda. Configure slaves para executar automaticamente trabalhos de compilação ao mesmo tempo. Os slaves ajudam a acelerar as construções, construir um SO específico ou construir conjuntos de alterações para equipes de desenvolvimento grandes ou pequenas.

Sem o plugin, você normalmente precisaria configurar os slaves manualmente, provisionar cada ambiente, como os de teste, preparo e produção, com um provedor de nuvem ou sua própria infraestrutura e, então, configurar os aplicativos a serem implementados nesses ambientes. Além da trabalhosa configuração manual, você precisaria garantir que os aplicativos fossem implementados de modo consistente. É possível solucionar todos esses desafios com o plugin Jenkins para Cloud Application Manager.

Próximas etapas em CI/CD com o Cloud Application Manager e o Jenkins

Como contatar o suporte do Cloud Application Manager

Lamentamos que você tenha encontrado um problema com o Cloud Application Manager. Consulte as dicas de troubleshooting ou entre em contato com o suporte do Cloud Application Manager e apresente detalhes e capturas de tela, conforme possível.

Para problemas relacionados a chamadas de API, envie o corpo da solicitação junto com os detalhes referentes ao problema.

Em caso de erro de caixa, compartilhe a caixa no espaço de trabalho que sua organização e o Cloud Application Manager podem acessar e anexe os registros.

  • Linux: SSH e localize o registro em /var/log/elasticbox/elasticbox-agent.log
  • Windows: Windows: RDP na instância para localizar o registro em ProgramDataElasticBoxLogselasticbox-agent.log
Powered by Translations.com GlobalLink OneLink SoftwarePowered By OneLink